• O fracasso pode melhorar sua fotografia

    28/01/2019

    O fracasso é uma indicação de que você não é bom (ainda) em alguma coisa, mas não é um sinal de que você deva desistir, muito pelo contrário.

    Muitas pessoas deixam o fracasso impedi-las de seguir em frente. Mas você deve usá-lo como uma motivação. Se o gosto do fracasso o convenceu a desistir no passado, vamos ver como usá-lo para crescer em sua área profissional.

    O fracasso na fotografia pode ser devido a alguns fatores, como: foto subexposta e foto superexposta, quando o fotômetro deveria estar zerado, enquadramento ruim, entre outros. Veja alguns exemplos de como a falha pode ajudá-lo a melhorar sua fotografia.

    VOCÊ TENTOU FOTOGRAFAR MAS NÃO SE SAIU BEM.

    Suas fotos podem parecer todas iguais e você fica sem saber como melhorar, mas é porque você terá que lutar para ficar bom, aprender novas coisas difíceis será confortável e normal, pois você estará se esforçando para dar o melhor de si.

    O fotógrafo Mai Coker, autor do artigo original no site Digital Photography School, conta seu relato: começou como uma criança, com uma câmera de filme e quase todas as fotos ficaram terríveis. A primeira foto formal de seu filho ele fez sem ter ideia de como trabalhar com a câmera e como a iluminação afetaria na foto. Com a ajuda do Lightroom, conseguiu recuperar a foto em algum grau, e naquele momento ele não queria nunca mais tirar um retrato. Mal sabia que só precisava de uma coisa: aprender.

    VOCÊ NÃO CONSEGUIU REALIZAR ALGO SIMPLES.

    Quando você falha em algo que você acha que seria simples, você provavelmente subestimou o quão difícil seria. E descobriu que seria mais difícil do que você pensou e terá que aprender mais um pouco.

    Neste exemplo, o fotógrafo Mat Coker tentou por meia hora tirar um retrato do rosto e ombro de seu filho e não obteve sucesso. O que ele aprendeu obteve através disso foi que devemos abraçar os momentos inesperados e sinceros como o desta foto.

    VOCÊ NÃO CONSEGUE ALCANÇAR SUA VISÃO

    Talvez você tenha boas habilidades fotográficas, mas você sempre parece estar aquém da sua visão.

    O que é perfeitamente normal. Ninguém que almeje alto consegue seus objetivos ou visão facilmente. A maior parte de sua jornada será um fracasso no aprendizado, mas será ótimo quando você conseguir.

    Tendo aprendido sobre a luz e a natureza das crianças pequenas, Coker decidiu criar um retrato que imaginou baseado em um filme do Charlie Brown: Christmas. 
    Trabalhando com uma criança, ele sabia que teria apenas um minuto ou dois para capturar a imagem.

    Mesmo não tendo conseguido trabalhar bem com crianças de primeira, aprender como fazê-lo ajudou Coker a aprimorar sua visão sob pressão.

    Siga o fracasso até que o leve ao sucesso.

    VOCÊ PERDE COMPETIÇÕES

    Talvez você coloque seu coração e alma em sua fotografia apenas para perder a competição após a competição.

    Coloque suas fotos contra as de fotógrafos que são melhores que você e ouça o feedback que você recebe. Aprenda a expressar sua visão única de uma maneira que agrade os espectadores com altos padrões. Desta forma, o fracasso será o seu guia, dizendo-lhe exatamente como melhorar.

    Coker tinha uma foto que poderia ter ganho o primeiro lugar, mas um dos juízes diminuiu bastante sua pontuação. Ele disse que a luz estava ruim. No começo, ele ficou magoado com os comentários dele, e depois percebeu que nem tinha pensado em luz quando tirou a foto. A luz foi a próxima coisa que ele decidiu aprofundar em seus conhecimentos.

    EXISTEM IMPERFEIÇÕES TÉCNICAS NAS SUAS FOTOS

    Se você acha difícil viver com imperfeições técnicas, então há duas coisas que você deve fazer:

    A primeira é relaxar um pouco sua atitude em relação aos padrões. No mínimo, não espere que todas as fotos sejam perfeitas. A maioria dos fotógrafos ficam entusiasmados se 10% das suas fotos de um determinado trabalhem forem as fotos finais, mas talvez apenas 1% valha a pena manter. Se você continuar tendo o mesmo problema técnico, então você deve aprender como consertá-lo.

    A segunda é ocasionalmente abraçar imperfeições como parte de sua foto. Talvez condições extremas (luz, clima, etc.) levem inevitavelmente a fotos imperfeitas. Isso seria tão ruim?

    Mude sua atitude em relação ao fracasso técnico.

    Coker adora andar em uma cena caótica e fazer um retrato dela. Esta foto possui alguns erros técnicos, é bastante granulada e um pouco desfocada. Para ele, isso expressa o caos do momento ainda mais.

    “Não gosta do ruído de alto ISO? Faça uma fotografia tão boa, tão cativante, que ninguém perceba! Se o ruído é o que as pessoas percebem, o ruído não é o seu maior problema. ”- David DuChemin

    SUAS FOTOS NÃO CONSEGUEM TE MOVER

    Lutar com a razão pela qual sua fotografia falha em se mover pode, na verdade, levá-lo mais fundo em sua busca pela fotografia. Pode ajudá-lo a entender o que o excita com a fotografia e colocá-lo de volta nos trilhos.

    Inspirado pela luta de um amigo com a ansiedade, Coker produziu uma sessão de retratos sincera sobre o tema “Uma bagunça gloriosa”. Ele não permiti nenhuma pose.  Capturou apenas momentos sinceros que aconteceram naturalmente. Esta é uma das fotos da sessão que melhor expressa o tema.

    O VERDADEIRO FRACASSO É NÃO CRESCER

    Talvez você esteja preso porque precisa de um professor ou está preso porque tem medo de fracassar ou não se recuperou do fracasso.

    Cada tipo de falha tem o potencial de fazer você erguer as mãos e desistir. Você está mais propenso a desistir quando você acredita que o fracasso é um sinal de que você não tem talento natural.

    Mas o fracasso também tem o potencial de ajudá-lo a crescer, talvez de formas que você não teria crescido sem o fracasso.

    O fracasso não é um motivo para desistir, mas uma razão para ir mais fundo.

    Artigo original publicado pelo fotógrafo Mat Coker para o site Digital Photography School.

    Confira mais posts em nosso BLOG!

    VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR